Medicinais

Flor da Paixão – Passiflora incarnata

A Flor da Paixão do maracujá beneficia a mente e o corpo, acalma os nervos, promove o relaxamento e o descanso para obter o sono necessário. Conheça mais...

A Flor da Paixão do maracujá beneficia a mente e o corpo, pois acalma os nervos, promove o relaxamento e o descanso e ajuda a acalmar as mentes ansiosas para obter o sono necessário.*

Nome comum: Flor de maracujá, Passiflora, Maycock, Maypop, Videira de Damasco

Sobrenome: Passifloraceae

Peças Usadas: flor, folha, caule

Ações da erva: Nervino, Sedativo

Benefícios para a saúde: Relaxamento, sono, alívio do estresse

Diga olá para a doce canção de embalar do mundo das ervas.

Quais são os benefícios da Flor da Paixão do maracujá?

O uso da Flor da Paixão do maracujá para dormir e ansiedade reside em uma variedade de compostos, incluindo, mas não limitado a, flavonoides e alcaloides. Acredita-se que a atividade sinérgica dos compostos benéficos da Flor da Paixão do maracujá contribui para o suave efeito sedativo do corpo.*

Conhecido como um calmante no herbalismo, ou uma erva que dá suporte ao sistema nervoso, uma xícara de chá de Flor da Paixão do maracujá acalma o sistema nervoso, acalma a mente ansiosa e promove uma boa noite de sono.* 

Histórico da maracujá

A planta da maracujá é comumente chamada de maypop, referindo-se ao som alto que as frutas fazem quando pisoteadas. O maracujá é comestível, com um inesquecível sabor cítrico e tropical que pode ser apreciado diretamente da fruta, como suco fresco ou preservado em geléia.

Na era pré-colombiana, as tribos nativas americanas do sudeste usavam a maracujá como alimento e fitoterapia. Cherokee tradicionalmente fervia e fritava os brotos jovens, misturando-os com outras verduras comestíveis, ao mesmo tempo em que usava a planta topicamente como cataplasma. Missionários espanhóis e outros colonos europeus promoveram a maracujá como erva medicinal durante as suas migrações e, no século 18, a planta ganhou um reconhecimento tão amplo que os botânicos começaram a elogiá-la em todo o mundo.*

Descrição botânica e habitat

A planta da maracujá é nativa do sudeste dos Estados Unidos, América Central e América do Sul. Esta planta perene de crescimento rápido é uma videira trepadeira com flores deslumbrantes, exóticas, franjadas e perfumadas que florescem no verão. A videira produz frutos ovais carnudos e comestíveis chamados maypops que aparecem em julho, tornando-se amarelos quando estão prontos para a colheita no outono.

Existem aproximadamente 700 espécies na família Passifloraceae, com até 60 espécies utilizadas na alimentação, incluindo o exótico e delicioso maracujá, procurado em todo o mundo pelo seu rico e adocicado suco. Mas é uma das plantas mais medicinais do gênero, Passiflora incarnata, que os fitoterapeutas ocidentais mais usam. Crescendo selvagem à beira de campos, estradas e florestas, esta videira amante do sol prospera em climas quentes e solos bem drenados como os do seu sudeste nativo. Para quem a encontra na natureza, não se surpreenda ao vê-la rodeada de formigas, que adoram o seu néctar açucarado. As formigas protegem essa fonte de alimento a qualquer preço e, muitas vezes, matam as lagartas predadoras e seus ovos, impedindo-as de comer as folhas da planta.

Quando usar passiflora

PARA DOMIR

Prepare uma dose minutos antes de dormir.

RELAXAMENTO

Uma bebida perfeita depois do jantar para desacelerar na hora de dormir.

ALÍVIO DE STRESSE

Para colocar um pôr do sol nos sentimentos estressantes do dia.

Artigos Relacionados

Carregar mais Artigos Loading...Não há mais artigos.